Quinta-feira, 2 de Agosto de 2012

Eis a resposta à "perfeita legalidade" da coisa...

E agora?

Num país normal, esta ilegalidade teria que ter consequências.
Mas não em Portugal, claro.
Nem que tenha que se alegar prescrição, ou qualquer outra artimanha do género.

Quanto à ética, estamos conversados...

 

«Curso violou 'carta de princípios' da Lusófona

Através do processo de competências profissionais, só em casos extremos devem ser atribuídos mais de 40% dos créditos necessários à conclusão do curso - é o que diz um documento da Universidade Lusófona a que VISÃO teve acesso»

http://visao.sapo.pt/curso-violou-carta-de-principios-da-lusofona=f678685

publicado por Mário Pereira às 18:00
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. A culpa é dos pilotos. E ...

. Há poucos médicos. Porque...

. Vão trabalhar, malandros!

. Apetecia-me atirar o Maga...

. Nasci refugiado

. A triste natureza humana

. Estamos entregues às mafi...

. Aprender ou não a lição, ...

. Cristiano, Bento e Jardim...

. (Des)humanidades...

.arquivos

. Maio 2015

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds